17 de agosto de 2010

Como matar os personagens de seus jogadores sem deixá-los putos!

Meu grupo de RPG atual está chegando aos finalmentes de uma campanha que dura uns 4 anos ou mais. A última sessão seria* um ápice da história, enfrentariamos o vilão do negócio(!), um Demi-Lich malvadeza, cercado de seus aceclas!

Numa situação dessas com certeza metade do grupo arredondado pra cima invariavelmente.... morre! E seja a pessoa que for, não neguem, todo mundo fica de cara quando seu personagem de 2 ou 3... ou 4 anos morre.

Pra ninguém ficar chateado, eu e o mestre do jogo, fizemos um experimento temático. Montamos um demi-lich com nossas próprias mãos....

Pegamos um mago bem velho, fizemos uma poção...

Tá tá... de verdade..

Compramos pedrinhas de bijoteria e uma caveira de plástico...

Colamos tudo com "super-cola".

 E fizemos o Demi-lichzinho mais guchi-guchi do mundo!
 Vocês teriam mesmo coragem de matar essa gracinha de olhos brilhantes? Ooohhh...

Depois, enchemos essa caveira de Moedas de Chocolate e Dadinhos (isso! aquele mesmo de amendoim). Quando colocamos em cima da mesa não teve um que não quiz roubá-la e ficar com tudo.
Tá certo que nós mudamos os planos em cima da hora, e acabamos nos entupindo com 1kg de doce durante a sessão. Mas na próxima a gente entrega.. O primeiro PC a ir pro beleléu vai deixar o jogador mais gordinho... e menos puto. Assim a gente espera...

*Porque estava no pretérito imperfeito? Porque jogamos de madrugada e não conseguimos nos aguentar acordados pra chegar no combate. Paramos antes! xD
Estamos ficando velhos pra essas coisas... =|

19 comentários:

  1. assim é o acererak junior?
    hehehhe


    eu ja ia postar pra vc atualizar :P
    gostei, queria ver ele com "cerebro de doces".

    ResponderExcluir
  2. Eu tbm queria ter tirado uma foto..., mas quando eu lembrei disso só tinha dois dadinhos dentro...
    hauhauhau

    ResponderExcluir
  3. Como diria o mendigo: "Xá cumigo, que do demilixe eu cuido!"

    ResponderExcluir
  4. gostava do seu blog, mas depois de ver o seu capitalismo vermelho e ainda mais que é de curitiba, só vejo você como aquela parte pseudopensante da universidade, jovenzinhos reclamões que gostam de falar mal de tudo para fingir personalidade. decepcionante.

    ResponderExcluir
  5. Bom, como anônimo eu não posso saber quem é e julgá-lo por qualquer outra coisa que vc tenha escrito, portanto vou julgá-lo da seguinte forma:

    Estude mais interpretação de texto. Leia os primeiros posts do CapitalistA Vermelho. Se ainda assim vc não entender do que o blog se trata... procure ajuda especializada.

    Se pelo contrário, vc entendeu muito bem e se sentiu ofendido... lamento muito. Passar bem, não se preocupe sua visita não me fará nenhuma falta... o/

    ResponderExcluir
  6. "pseudo pensante"....e eu achava que todos os humanos pensavam.

    esta provado que não. *wink*wink

    ResponderExcluir
  7. Huahauhaua, eu só posso dizer que me divirto com certos comentários em fóruns e blogs!

    "[...] mas depois de ver o seu capitalismo vermelho e ainda mais que é de curitiba, só vejo você como aquela parte pseudopensante da universidade [...]"

    Quer dizer que se não fosse de Curitiba, tava tudo susse? Não entendi a lógica...

    "[...] jovenzinhos reclamões que gostam de falar mal de tudo para fingir personalidade. decepcionante."

    Essa parte é a mais divertida. Qual será o objetivo dessa crítica (ou seria reclamação)? Eu chutaria que é pra fingir personalidade...

    Pior é quando não demonstram personalidade suficiente para assinar o que escrevem!

    Eu julgo que na verdade, o "Sr. Anônimo" não entendeu a perspectiva do Capitalista Vermelho (que nada tem a ver com política). Em segundo lugar, não entendo porque as pessoas não conseguem separar o criador da criatura. É completamente possível não gostar do artista e ainda assim apreciar a sua obra, e vice-versa. Ou gostar de um trabalho de alguém e não de outro. Porque não gostar de um blog repentinamente faz o "Sr. Anônimo" deixar de gostar de algo que até aquele momento ele apreciava?

    Eu adoro as idiossincrasias humanas!

    ResponderExcluir
  8. Será que o Anônimo era o CR? O_____O
    Rafael, descubra isso! xD

    E Igor, vamos fazer camisetas do Capitalista Vermelho, com o Chê bem bonitão e distribuir nas escadas da Reitoria? xD

    ResponderExcluir
  9. Camisetas do Che? Não, eu prefiro a minha... E "Viva la Evolucion!"

    ResponderExcluir
  10. CR/Anônimo22/08/2010 20:12

    "Eu ja ia postar pra vc atualizar :P"

    [2] Rsrs.

    * * *

    Cara, que idéia maneira essa de fazer um Demilich. Sério, muito maneiro mesmo rs, as pedrinhas de bijuteria e tal rsrs.

    Obs: E não, não sou o "anônimo" que reclamou antes rs. Ainda gosto pra cacete desse blog rsrs.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  11. O demi-lich ficou ótimo... nem me importaria muito de apanhar dele... :P
    Mas, ainda ficaria bem puta se meu personagem morresse, afinal, ninguém gosta de perder um persona.

    Tava lendo o blog sobre a campanha de vcs e na boa, não deu pra entender muito bem...
    Os resumos do arquivo estão ótimos, só que depois falta muitas partes da aventura e fica tudo muito perdido...
    Principalmente alguém pegou o cabeção de aboborá?

    ResponderExcluir
  12. Ah sim, é que fomos pego por uma coisa que é inevitável.. a "idade".

    Do grupo teve gente que casou, teve filho, entrou em regime de monografia, saiu do grupo pq ficou puto, fez outra faculdade.. etc...

    Como eu que escrevia quase que exclusivamente os resumos e a faculdade foi me apertando, eles foram ficando quase em tópicos e cada vez menos atualizados...

    Dá pra ver pela data do último (sendo que estamos jogando até hoje.. =|)

    Mas sobre o Abobrão... sim.. pegamos ele..
    Mas eu vou escrever um resumo especial então sobre ele.. hueheuheuheu

    ResponderExcluir
  13. O meu grupo tb tem esse pequeno problema de "idade". Passar a madrugada jogando, nem pensar, duas horas da manhã já ta todo mundo dormindo... E pensar que antes já fizemos serão de virar a noite e ir até as 10 do outro dia... tec... tec... tec..

    Pelo menos a maioria já saiu da faculdade, e apesar dos trabalhos, namoradas, noivas e afins, as tarde de domingo ainda são destinadas ao RPG. :)

    ResponderExcluir
  14. @Bel: Eu também escrevi alguns resumos no começo da campanha, principalmente na parte do sonho e nado abobrão, onde o meu objetivo era realmente deixar o grupo confuso. Fiz pra ver se eles pescavam as dicas. Num adiantou... pior pra eles...

    Mas não se preocupe se vc não entendeu tudo completamente, os personagens na aventura até agora não entenderam as coisas muito bem também. E enquanto isso, o mestre se diverte!

    ResponderExcluir
  15. Osh! Tipo desse Igor, tirou a gente pra tongo agora...

    VocÊ me paga mocinho, vc num narra todas as campanhas não.., viu?! Podexá!

    ResponderExcluir
  16. Tudo bem, pra ser justo, a Lauren (pra quem não sabe, a meio-elfa thief da dona deste blog) foi a única que sacou as pistas corretas da identidade do abobrão, até achou uns ossos de vítimas, e se continuasse nessa linah, tinha pego o assassino. Mas aí o Hagen teve um xilique e estragou tudo...

    ResponderExcluir
  17. A Marie foi mais malvada e roubou o lich

    ResponderExcluir
  18. Pois é né, se o guido tivesse lá tinha levado o Demi-Lich (o de plástico com uns 12 caramelos que sobraram) heuheueu...

    Mas como sobrou só a dona da Marie, quem levou pra casa mesmo (on e off) foi ela.. =D

    ResponderExcluir
  19. alguns comentários!!!
    1) não morreu metade do grupo
    2) Devoramos o cérebro do lich DUAS vezes
    3) o SHOU salvou todo mundo (menos o dagon... por quem o shou na verdade não nutria nenhuma simpatia)

    ResponderExcluir